Projectos habitacionais - Carlos Alberto Gomes Margem Sul Tejo

 

Moradia Aroeira

*** Necessita de ter instalada no seu pc, no mínimo, a versão 9 do Flash Player para visualizar correctamente este conteúdo ***
Verifique a sua versão

Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda


A moradia unifamiliar é constituída no r/c por hall com escada de acesso ao 1º andar e cave, sala de estar e de refeições, cozinha, instalação sanitária de apoio e dois quartos com casas de banho individuais. No 1º andar a composição é de 1 quarto, zona de vestir e casa de banho.

A definição do programa, articulação dos elementos entre si, configuração geométrica articulada e imagem da construção foram apresentadas como um conjunto de parâmetros demonstrativos com forte intensidade do objecto pretendido para habitar.

A moradia virou-se para o interior do lote, afastando-se do arruamento, quer pela distância em si (21.00m), quer pelas fachadas encerradas.

Como contraponto, surge o prolongamento do espaço verde do logradouro da frente para o interior da moradia, através dum jardim interior.

O corredor de circulação define o eixo central, rasgando longitudinalmente a moradia, criando uma visualização directa entre interior e exterior e relacionando jardim com água/piscina. Tal como o jardim penetra no interior da moradia, o mesmo acontece com a piscina; esta invade a sala.

A moradia é completamente franqueada pelo espaço exterior.

A entrada principal recolhida alimenta a ruptura com a vida no exterior do lote; é marcada pela cobertura ao nível da do 1º andar.

Os quartos no r/c convivem com o jardim.

A cozinha tem prolongamento exterior, em espaço de varanda, com ligação directa ao logradouro a tardoz e ao espaço exterior fronteiro à cave.

O quarto direito aproveitando esta solução tem uma varanda lateral.

A sala de refeições tem ligação directa com a cozinha e o seu espaço exterior; abre-se francamente para o logradouro tardoz.
A conciliação de utilizações diferenciadas – estar, ler, ouvir música, ver televisão, com jogo de bilhar, definiu a opção de criar uma extensão da sala, articulada por um corredor envidraçado.

O 1º andar apresenta apenas um espaço privado – quarto, debruçado sobre a piscina e com relação visual com o jardim interior.
As coberturas do r/c foram transformadas em terraços para amplo gozo do ar livre sobrelevado; a tardoz os terraços apresentam pércolas para atenuar a exposição solar.

A caixa de escada é um elemento de grande transparência. Sob a sala de jogos instalou-se o apoio directo à piscina – casa de máquinas e instalação sanitária dupla.

Definem-se percursos alternativos para contacto com a piscina – directamente por escada ou através da zona de apoio à piscina.
 
Localização: Aroeira, Charneca de Caparica
Projecto: 2004
Estado: construção concluída

Moradia Quintinha

*** Necessita de ter instalada no seu pc, no mínimo, a versão 9 do Flash Player para visualizar correctamente este conteúdo ***
Verifique a sua versão

Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda


A estrutura da moradia apoia-se em dois rectângulos desfasados por deslizamento ao longo dum eixo longitudinal, no sentido norte-sul.

No r/c do lado poente deste eixo situam-se o hall, a escada e a sala; do lado nascente o escritório, instalação sanitária e cozinha. O primeiro espaço não é compartimentado, verificando-se fluidez total. A cozinha e sala têm prolongamentos exteriores protegidos.

O acesso da cozinha tem relacionamento directo com a sala, hall e escada, possibilitando uma vivência colectiva do espaço.
No 1º andar, o desfasamento entre os dois pisos permite definir um balanço acentuado na frente, apenas aprovado num pilar metálico. Dois quartos na frente e a suite no lado poente compõem este espaço. A sala tem duplo pé direito, possibilitando a sua visualização do hall do piso superior.

A varanda contínua na frente marca a importância do 1º piso. A suite tem ampla varanda sobre o terraço da cozinha.

A cave apresenta zona de estacionamento, instalação sanitária e dois espaços de arrumos de áreas diferentes. Mantém-se a ligação exterior por uma zona de arrumos, para um espaço exterior que valoriza o espaço da cave, por não estar enterrada e oculta o estendal.

Na frente da sala e com o mesmo alinhamento da sua largura define-se a piscina, numa plataforma de cota idêntica à da moradia.

A conjugação da cobertura plana sobre os quartos da frente com a cobertura inclinada do telhado sobre a sala e a suite possibilitam a definição do tecto inclinado em ambos os espaços.

Os alçados apresentam-se com movimento e contrastes, devido à forma da moradia e da cobertura.
 
Localização: Quintinhas, Charneca de Caparica
Projecto: 2007
Estado: construção concluída

São João

*** Necessita de ter instalada no seu pc, no mínimo, a versão 9 do Flash Player para visualizar correctamente este conteúdo ***
Verifique a sua versão

Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda
Carlos Alberto Gomes - Arquitectos Associados Lda


O edifício proposto integra-se num espaço valorizado pelo conjunto arbóreo de utilização pública e enriquecido por um equipamento destinado à juventude – Casa Municipal da Juventude / Pousada.

O edifício proposto apresenta uma configuração trapezoidal e uma exposição preferencial no sentido nascente-poente.

Em virtude da composição geológica do terreno e do baixo nível freático tornou-se necessário sobrelevar o conjunto de 1.50 m em relação à cota do passeio.

O edifício articula-se em leque e escalona-se nos topos, definido sucessivos recuos dos pisos, suavizando a volumetria. O nó de articulação do leque é caracterizado por um volume cilíndrico, onde se localiza o acesso ao edifício.

Considerando a dimensão do conjunto, procurou-se definir uma composição equilibrada, através da conjugação de reentrâncias criadas pelas varandas, e simples, de modo a atenuar a massa volumétrica. Neste sentido, criou-se um ritmo a nível dos 2 pisos iniciais sob pilares.

Procurando definir uma variedade de tipologia nos apartamentos, criou-se, a nível dos dois primeiros pisos, duplex com acesso directo e, no topo norte-nascente, com um pequeno logradouro privado à frente. 

Os restantes pisos apresentam apartamentos com tipologias variáveis – T0, T1, T2 e T3. Distribuem-se através de um corredor longitudinal, com 3 caixas de escada e dois elevadores, um dos quais com capacidade de transporte de grandes volumes.

A composição interior dos apartamentos baseia-se na funcionalidade e na criação de boas condições de habitabilidade.

Existe uma piscina no logradouro a tardoz, para uso dos utentes; a sua ligação com os apartamentos é realizada através das caixas de escada com acesso directo ao logradouro.
 
Localização: S. João Caparica, Almada
Projecto: 1996
Estado: construção concluída